SOBRE A MESA: TAKENOKO

SOBRE A MESA: TAKENOKO

    por -

    pic1912529_lgHá muito tempo o imperador chinês ofereceu ao imperador japonês um presente com intenções de que ele fosse um símbolo de paz entre as duas nações: um panda gigante. O problema é que o “mimo” trazia consigo fome descomunal e proporcional ao seu tamanho. E não há nada que apeteça mais ao paladar do panda gigante que os raríssimos e coloridos bambus do jardim do imperador, os quais são árdua e carinhosamente cultivados pelo humilde jardineiro imperial. A confusão estava apenas começando…

    Em Takenoko os jogadores são membros da corte do imperador japonês e são incumbidos da responsabilidade de atender à voraz necessidade do pacato e rechonchudo panda, enquanto ajudam o jardineiro a cultivar os bambus que embelezam o jardim imperial. Vence aquele que souber encontrar o equilíbrio que deixará o imperador satisfeito.

    8093_m
    Uma das versões das belas miniaturas que acompanham o jogo

    O jogo, lançado no ano de 2011, foi desenvolvido por Antoine Bauza, mesmo criador de premiados jogos, entre eles 7 Wonders, Hanabi e Ghost Stories. Dentre as premiações recebidas por Takenoko a mais expressiva foi o Golden Geek de 2012 na categoria Best Board Game Artwork/Presentation, realizada pelo site BoardGameGeek. Apesar disso, o jogo é muito bem aceito por diferentes tipos de jogadores e ocupa ótimas posições em rankings de sites de renome, estando em 165º no BGG entre milhares de jogos e em 52º no portal do Redomanet.

    Mecânica:
    – Alocação de pontos de ação
    – Colocação de peças de terreno (Tile Placement)
    – Coleção de conjunto
    – Movimentação em grade
    – Rolagem de dado
    – Tabuleiro modular

    O jogo se desenrola por uma série de turnos onde cada jogador decidirá quais duas ações irá fazer entre cinco possíveis. Vence o jogo aquele que somar mais pontos com suas cartas de objetivos concluídas, que podem ser objetivos de panda, de jardineiro e de “terrenos” (plot). A rodada final do jogo é acionada quando um jogador alcança primeiro um número de objetivos concluídos determinado pelo número de jogadores na partida. O jogador que acionou o final do jogo recebe a “visita do imperador” representada por uma carta que concede pontos extras.

    pic799571_md
    Cartas de Objetivo

    No início da partida existe apenas um terreno que acomoda as figuras do panda e do jardineiro, vamos chama-lo de lagoa (pond, em inglês). A partir dele os jogadores ligarão outras partes de terreno do jardim, construirão canais de irrigação, ajudarão o jardineiro a cultivar os bambus, que por sua vez saciarão a fome irrefreável do nosso amiguinho. No setup inicial os jogadores recebem uma carta de objetivo de cada tipo.

    pic1052239
    Os componentes do jogo são impecáveis

    Durante a sua vez, na primeira rodada, os jogadores tomarão duas ações diferentes. As ações possíveis são:

    1. Terreno: o jogador compra três cartelas de terreno da pilha e escolhe uma para colocar adjacente à uma já existente em jogo. Os padrões que a disposição dos terrenos formam é requisito para a conclusão de cartas objetivo de terrenos. Para a pontuação valer, todos os terrenos envolvidos devem estar irrigados.

    2. Canal de Irrigação: o jogador pega um canal de irrigação da reserva de jogo e coloca em jogo, ligando-o à lagoa ou a um outro canal de irrigação, ou guarda-o em sua própria reserva para usar posteriormente.

    3. Jardineiro: o jogador move o jardineiro em linha reta para qualquer direção até o terreno de sua escolha. Então uma seção (andar) de bambu cresce no terreno em que o jardineiro parou o movimento e nos adjacentes se eles compartilharem a mesma cor do primeiro. A seção de bambu cresce apenas em terrenos irrigados. A altura máxima do bambu em um terreno é de quatro seções. Essa altura é requisito para a conclusão de cartas objetivo de jardineiro.

    4. Panda: o jogador move o panda em linha reta para qualquer direção até o terreno de sua escolha. Então o panda devora uma seção de bambu do terreno em que parou o movimento, se ele possuir. O jogador pega aquela seção de bambu e coloca em sua reserva. Elas são requisito para a conclusão de cartas objetivo de panda.

    5. Objetivo: o jogador compra uma carta de objetivo de um tipo à sua escolha. Cada jogador pode ter no máximo cinco objetivos por vez.

    pic1950205_md
    A partir da segunda rodada entra um novo elemento em jogo. É o dado climático, que deve ser lançado no início do turno de cada jogador. Ele determinará qual vantagem o jogador receberá para aquele turno. Entre as condições climáticas temos o sol, o jogador recebe uma ação extra, a chuva, o jogador pode fazer crescer uma seção de bambu em um terreno, o vento, que permite que o jogador use uma mesma ação duas vezes naquele turno, a tempestade, que assusta o panda permitindo que o jogador o mova, para qualquer terreno à sua escolha, para então devorar uma seção de bambu ao final se possível, as nuvens, que permitem ao jogador escolher uma das fichas que dão condições especiais a um terreno para usa-la imediatamente ou guarda-la em sua reserva para uso posterior, e por ultimo o ponto de interrogação [?], que permite que o jogador escolha qualquer uma das condições climáticas anteriores.

    O jogo segue até que a quantidade de objetivos necessários para a vitória seja alcançada por um jogador, o que dispara a rodada final, dando oportunidade aos outros jogadores para fazerem suas ultimas ações. Depois, conta-se a pontuação de cada carta objetivo concluída pelos jogadores, aquele que possuir mais pontos vence o jogo.

    Considerações finais:
    Takenoko possui um forte apelo visual. Todos os componentes são finamente trabalhados, desde as miniaturas e terrenos aos pedaços de bambu feitos de madeira e pintados com cores vibrantes. O dado de madeira é grande, leve e elegante. O tabuleiro que cada jogador usa para marcar suas ações e cuidar de suas reservas é bem organizado e tem uma arte atrativa. Os próprios marcadores de ações, também de madeira, trazem um padrão diferente na arte para cada jogador. A caixa tem textura macia ao toque e o insert acomoda muito bem a todos os componentes.

    Como um ponto negativo, poderia apontar o fator sorte. Mesmo que não o tenha jogado, durante o texto talvez você tenha percebido que a sorte está presente em elementos importantes do jogo. Na compra de cartelas de terrenos, na compra de cartas de objetivo, na rolagem do dado climático. Mas ainda assim é possível que um jogador experiente conquiste uma vantagem considerável na pontuação com frequência.

    Takenoko é jogo leve e divertido, excelente gateway. Não é um jogo para ser levado muito a sério, nunca será o favorito de jogadores mais hardcore. É um jogo desafiador o suficiente para passar um tempo com os amigos e pode até ser um filler entre jogos mais pesados por não ser um jogo tão demorado.

    Pontos positivos:
    – Mecânica relativamente simples
    – Arte e componentes belíssimos
    – Estratégico na medida certa
    – Totalmente visual, não necessitando leituras durante o jogo

    Pontos negativos:
    – Pode ser simples demais para alguns jogadores
    – O fator sorte por vezes pode ser determinante
    – Alguns tipos de objetivos parecem mais fáceis de serem concluídos que outros, promovendo o desbalanceamento

    Ficha Técnica:
    Jogadores: 2 a 4
    Idade: a partir de 8 anos
    Duração: 45 minutos
    Tipo: caixa básica
    Fabricante/Desenvolvedora: Asmodee/Bombyx/Matagot/Galápagos Jogos (no Brasil)
    Idioma: Inglês (Independente de Idioma)
    Preço Médio: R$ 220,00

     

    Fillipe Vieira: Apenas um cara tentando encontrar seu caminho no emaranhado de ideias, sonhos e anseios que permeiam sua mente. Talvez um dia você se depare com algum jogo desenvolvido por ele. Quando esse dia chegar, é possível que esse cara tenha encontrado seu caminho. Interesses: séries de TV, cultura nerd em geral, vídeo games, ciência, história.

    ARTIGOS SEMELHANTES

    3 COMENTÁRIOS

    1. Dizer que o jogo é a partir de 13 anos me parece exagerar o nivel de dificuldade do jogo. Minha filha tem 6 anos e nós jogamos com ela regularmente (sem precisar simplificar as regras).

    2. Boa observação, Nat, inclusive na caixa está indicado a partir de 8 anos, não lembro o por quê de ter colocado 13+. Editado, agradeço a participação, abraço!

    Deixe um Comentário